Como Planear a compra de uma casa?

Comprar casa é um dos momentos que causa maior stress a um indivíduo ou uma família não só pela enorme complexidade do acto em si como de todas as implicações da mudança de casa. Neste artigo ajudamo-lo a planear a compra de uma casa.

Logo, como em todos os processos, para minimizar esse stress, deve planear esse acto tal como planeia, por exemplo, as suas férias.

Detalhe o seu orçamento

A primeira coisa que deve fazer é pensar num budget máximo para a compra e quais as fontes de capital a que vai recorrer. Ou seja, de que montantes dispõe de capitais próprios e qual o valor máximo que pretende pedir emprestado à banca.

Para ter uma noção inicial, pode começar por fazer uma simulação de uma compra num dos sites dos diversos bancos nacionais.

Nessa simulação ficará com uma noção de todos os valores envolvidos mas não tome esses valores como certos pois eles podem variar em função da sua relação e envolvimento com o banco, valor do imóvel, impostos associados, etc.

Depois de perceber quais os montantes envolvidos deve definir a zona ou zonas onde pretende fazer a aquisição assim como a tipologia que será mais adequada. Valide, de seguida, se os valores que tem em mente se enquadram na zona. Para isso bastará fazer uma pesquisa nas páginas online de venda de imóveis

Ou seja, se o seu limite for 150 000 euros e a zona que pretende é Cacilhas no Concelho de Almada poderá verificar que será possível comprar uma tipologia T1, T2 ou até T3.

Inicie a pesquisa

Liste um conjunto de aspetos que valoriza e que podem ter influência na decisão de compra como, por exemplo, ser uma casa com um quintal, ou uma casa com vista para o mar, ou um apartamento com Certificado Energético classe B (mínimo), ou estar próximo de uma estação de Metro.

Faça uma escala de valor para que possa classificar cada uma destas características nos imóveis que visita.

Isto poderá ser útil para decidir, de forma racional, qual o produto que melhor o serve.

Planeie uma data limite para a compra do imóvel mas não pense num prazo demasiado curto pois isso pode precipitar uma má opção de compra. Decida quais os dias e horários que tem disponíveis para o agendamento das visitas e partilhe esse horário com uma ou duas pessoas da sua confiança para que possam acompanhá-lo(a) nessa procura. 

Aconselhamos a que não veja mais de 3 imóveis de cada vez.

Inicie a procura mas não se precipite numa primeira compra.

Para mais informações consulte o nosso artigo:

Cuidados a ter na compra de casa